Inspirações

Lustre, plafon e pendente: qual a melhor peça para iluminar?

Especialistas dão dicas para escolher a iluminação ideal para a sala de jantar

 

Muito mais que um ambiente só para refeições, a sala de jantar é protagonista das confraternizações de família e amigos. Por isso, nada melhor do que uma iluminação bem pensada para trazer uma atmosfera convidativa. Mas qual o modelo ideal para cada casa?

De modo geral, recomenda-se como temperatura de cor o branco quente (2400K a 3000K), para criar uma atmosfera de aconchego. Já a intensidade de luz, dada em lúmens (unidade de medida do fluxo luminoso), varia de acordo com a luminária escolhida, o efeito e o gosto do cliente.

De acordo com os especialistas da Lustres Yamamura, para uma sala de jantar de 10 m², ao utilizar uma quantidade de luz por m² equivalente a 3000 lux, pode-se considerar 3000 lm como a intensidade de luz mais adequada.

Feita a conta, é só escolher a peça. Os lustres são imponentes e iluminam o ambiente por completo. Modelos com cristais costumam ser bastante requisitados por sua sofisticação e adequação atemporal.

No entanto, é essencial ter certos cuidados com o manuseio e a limpeza periódica das peças. Outras opções mais simples e neutras também são bem-vindas, principalmente em casos de espaços com dimensões limitadas.

Já com os pendentes é possível arriscar a criação de diferentes composições, alternando modelos da mesma linha para quebrar a monotonia. É preciso verificar a altura do pé-direito ideal para cada peça e a proporção recomendada em relação à mesa.

Apesar de não ser uma regra, é indicada uma proporção de um para dois, ou seja, no caso de uma mesa de 2 m de largura, a peça sugerida deve ter, no máximo, 1 m.

Para o comprimento, as dimensões são variáveis, principalmente quando há composições de produtos. No caso da altura, é recomendado que a base das peças fique de 70 cm a 90 cm de distância da mesa.

Por fim, há ainda os plafons, que são peças-coringa para quem não quer arriscar. São indicados a quem prefere peças fixas por completo no teto, se encaixando em diversos estilos e situações.

 

Leia também: Lareiras ganham força em 2019

Leia também: Dá para fazer latte art com a nova máquina de café da Nespresso

 

Fonte: Primeira Página

Redes Sociais